Hino Nacional de Cabo Verde

Autor: Amílcar Spencer Lopes
Compositor: Adalberto Higino Tavares Silva
Breve descrição: O poema está dividido em 3 estrofes (duas quadras e uma nona).
História: Quando houve uma revisão constitucional para instaurar o multipartidarismo, foram criados novos símbolos nacionais. No dia 28 de maio de 1996 foi adoptado o novo hino e ele entrou em vigor em 5 de Julho de 1996.
Obs. O hino nacional deve ser executado no começo e no final de todos os actos públicos em que achar presente o Chefe de Estado e também quando realizarem festas nacionais, aberturas e fecho de emissões da rádio e da televisão. (fonte: Boletim oficial nº28 – 2 de Agosto de 1993).

Cântico da Liberdade

Canta, irmão
canta, meu irmão
que a Liberdade é hino
e o Homem a certeza.

Com dignidade, enterra a semente
no pó da ilha nua;
no despenhadeiro da vida
a esperança é do tamanho do mar
que nos abraça.
Sentinela de mares e ventos
perseverante
entre estrelas e o Atlântico
entoa o cântico da liberdade.

Canta, irmão
canta, meu irmão
que a Liberdade é hino
e o Homem a certeza.

Categoria: